31 agosto 2013

Dançando com Carlão e ganhando muitos beijos...

31.8.13 6 Comments
Olá! Flores! Para alegrar o fim de semana, um vídeo vergonha alheia/fofura... Eu, de pijama, dançando com o meu peixe Carlão!
Oi? É isso mesmo. Quem me conhece a mais tempo sabe que os bichinhos aqui de casa são estranhamente interativos, hahahahahaha...

O Carlão é um peixe papagaio, que é considerado um "petfish", um peixinho capaz de aprender truques, comer na mão e interagir com o dono. Ele sempre me deu "beijos", mas ontem, ele estava impossível. A nossa sonata, onde ouvimos nossos discos antigos fica do lado do aquário, geralmente, o Carlão se esconde quando a ligamos, o som deve vibrar na água de alguma forma. Mas ontem quando colocamos um disco do Guns ele ficou todo agitado e beijoqueiro. Daí, meu marido fez questão de gravar.

É só apertar o play, rir da minha cara de poodle alegre e fazer "Own que fofo!"... pro Carlão.

Bom fim de semana!!!


27 agosto 2013

Quarteto de Sombras 05 - Max Love

27.8.13 14 Comments
Lindo, lindo, lindo... Comprei lá em Itanhaém que é o paraíso das perfumarias (quase duas por quarteirão na parte central), onde vc encontra uma grande variedade de marcas.

A embalagem é bem digna, bonita e resistente. Fecha direitinho e não esculhamba a necessaire.
Vamos espiar as fotos:



As cores são muito pigmentadas e a duração é ótima...




É super macia, mas um tiquinho esfarelenta, requer um pouco de cuidado ao usar para não acumular nas dobrinhas. Estou apaixonada por esse coral, reparem que riqueza ;)

Paguei 7 reais e super recomendo.

Bjosss

26 agosto 2013

15 coisas que você precisa abandonar para ser feliz ;)

26.8.13 10 Comments

Essa lista é uma tradução, o texto original e em inglês é do World Observer Online.
1. Desista da sua necessidade de estar sempre certo.
Há tantos de nós que não podem suportar a ideia de estarem errados – querem ter sempre razão – mesmo correndo o risco de acabar com grandes relacionamentos ou causar estresse e dor, para nós e para os outros. E não vale a pena, mesmo. Sempre que você sentir essa necessidade “urgente” de começar uma briga sobre quem está certo e quem está errado, pergunte a si mesmo: “Eu prefiro estar certo ou ser gentil?” (Wayne Dyer) Que diferença fará? Seu ego é mesmo tão grande assim?
2. Desista da sua necessidade de controle.
Estar disposto a abandonar a sua necessidade de estar sempre no controle de tudo o que acontece a você e ao seu redor – situações, eventos, pessoas, etc. Sendo eles entes queridos, colegas de trabalho ou apenas estranhos que você conheceu na rua – deixe que eles sejam. Deixe que tudo e todos sejam exatamente o que são e você verá como isso irá o fazer se sentir melhor.
“Ao abrir mão, tudo é feito. O mundo é ganho por quem se desapega, mas é necessário você tentar e tentar. O mundo está além da vitória.” Lao Tzu
3. Pare de culpar os outros.
Desista desse desejo de culpar as outras pessoas pelo que você tem ou não, pelo que você sente ou deixa de sentir. Pare de abrir mão do seu poder e comece a se responsabilizar pela sua vida.
4. Abandone as conversinhas auto-destrutivas.
Quantas pessoas estão se machucando por causa da sua mentalidade negativa, poluída e repetidamente derrotista? Não acredite em tudo o que a sua mente está te dizendo – especialmente, se é algo pessimista. Você é melhor do que isso.
“A mente é um instrumento soberbo, se usado corretamente. Usado de forma errada, contudo, torna-se muito destrutiva.” Eckhart Tolle
5. Deixe de lado as crenças limitadoras sobre quem você pode ou não ser, sobre o que é possível e o que é impossível. De agora em diante, não está mais permitido deixar que as suas crenças restritivas te deixem empacado no lugar errado. Abra as asas e voe!
“Uma crença não é uma ideia realizada pela mente, é uma ideia que segura a mente.” Elly Roselle
6. Pare de reclamar.
Desista da sua necessidade constante de reclamar daquelas várias, várias, váaaarias coisas – pessoas, momentos, situações que te deixam infeliz ou depressivo. Ninguém pode te deixar infeliz, nenhuma situação pode te deixar triste ou na pior, a não ser que você permita. Não é a situação que libera esses sentimentos em você, mas como você escolhe encará-la. Nunca subestime o poder do pensamento positivo.
7. Esqueça o luxo de criticar. 
Desista do hábito de criticar coisas, eventos ou pessoas que são diferentes de você. Nós somos todos diferentes e, ainda assim, somos todos iguais. Todos nós queremos ser felizes, queremos amar e ser amados e ser sempre entendidos. Nós todos queremos algo e algo é desejado por todos nós.
8. Desista da sua necessidade de impressionar os outros. 
Pare de tentar tanto ser algo que você não é só para que os outros gostem de você. Não funciona dessa maneira. No momento em que você pára de tentar com tanto afinco ser algo que você não é, no instante em que você tira todas as máscaras e aceita quem realmente é, vai descobrir que as pessoas serão atraídas por você – sem esforço algum.
9. Abra mão da sua resistência à mudança.
Mudar é bom. Mudar é o que vai te ajudar a ir de A a B. Mudar vai melhorar a sua vida e também as vidas de quem vive ao seu redor. Siga a sua felicidade, abrace a mudança – não resista a ela.
“Siga a sua felicidade e o mundo abrirá portas para você onde antes só havia paredes” Joseph Campbell
10. Esqueça os rótulos. 
Pare de rotular aquelas pessoas, coisas e situações que você não entende como se fossem esquisitas ou diferentes e tente abrir a sua mente, pouco a pouco. Mentes só funcionam quando abertas.
“A mais extrema forma da ignorância é quando você rejeita algo sobre o que você não sabe nada” Wayne Dyer
11. Abandone os seus medos. 
Medo é só uma ilusão, não existe – você que inventou. Está tudo em sua cabeça. Corrija o seu interior e, no exterior, as coisas vão se encaixar.
“A única coisa de que você deve ter medo é do próprio medo” Franklin D. Roosevelt
12. Desista de suas desculpas.
Mande que arrumem as malas e diga que estão demitidas. Você não precisa mais delas. Muitas vezes nos limitamos por causa das muitas desculpas que usamos. Ao invés de crescer e trabalhar para melhorar a nós mesmos e nossas vidas, ficamos presos, mentindo para nós mesmos, usando todo tipo de desculpas – desculpas que, 99,9% das vezes, não são nem reais.
13. Deixe o passado no passado.
Eu sei, eu sei. É difícil. Especialmente quando o passado parece bem melhor do que o presente e o futuro parece tão assustador, mas você tem que levar em consideração o fato de que o presente é tudo que você tem e tudo o que você vai ter. O passado que você está desejando – o passado com o qual você agora sonha – foi ignorado por você quando era presente. Pare de se iludir. Esteja presente em tudo que você faz e aproveite a vida. Afinal, a vida é uma viagem e não um destino. Enxergue o futuro com clareza, prepare-se, mas sempre esteja presente no agora.
14. Desapegue do apego.
Este é um conceito que, para a maioria de nós é bem difícil de entender. E eu tenho que confessar que para mim também era – ainda é -, mas não é algo impossível. Você melhora a cada dia com tempo e prática. No momento em que você se desapegar de todas as coisas, (e isso não significa desistir do seu amor por elas – afinal, o amor e o apego não têm nada a ver um com o outro; o apego vem de um lugar de medo, enquanto o amor… bem, o verdadeiro amor é puro, gentil e altruísta, onde há amor não pode haver medo e, por causa disso, o apego e o amor não podem coexistir), você irá se acalmar e se virá a se tornar tolerante, amável e sereno… Você vai alcançar um estado que te permita compreender todas as coisas, sem sequer tentar. Um estado além das palavras.
15. Pare de viver a sua vida segundo as expectativas das outras pessoas. 
Pessoas demais estão vivendo uma vida que não é delas. Elas vivem suas vidas de acordo com o que outras pessoas pensam que é o melhor para elas, elas vivem as próprias vidas de acordo com o que os pais pensam que é o melhor para elas, ou o que seus amigos, inimigos, professores, o governo e até a mídia pensa que é o melhor para elas. Elas ignoram suas vozes interiores, suas intuições. Estão tão ocupadas agradando todo mundo, vivendo as suas expectativas, que perdem o controle das próprias vidas. Isso faz com que esqueçam o que as faz feliz, o que elas querem e o que precisam – e, um dia, esquecem também delas mesmas. Você tem a sua vida – essa vida agora – você deve vivê-la, dominá-la e, especialmente, não deixar que as opiniões dos outros te distraiam do seu caminho.

Fonte:  Ingresse.com

24 agosto 2013

Fotos da Viajem...

24.8.13 7 Comments
Olá! Postarei algumas fotos da minha viajem para dividir com vocês... Tenho um carinho muito grande por essa cidade, Itanhém. Ela tem praias lindíssimas, as mais bonitas do litoral sul de São Paulo, sem dúvida e vou pra lá desde sempre. Foram dias iluminados, conhecemos pessoas lindas e voltamos com as energias renovadas.

Trata-se do lugar onde foi filmada a primeira versão da novela "Mulheres de Areia".


Nos hospedamos numa pousada que fica literalmente na areia, na direção dessa montanha que se vê no fundo da foto.

Abaixo, como prometido, algumas fotos...













Bjosss

16 agosto 2013

Da série BBBs que funcionam: Shampoo, Condicionador e afins...

16.8.13 2 Comments
Continuando nossa listinha de BBBs...

Pessoas, quem acompanha o blog, sabe da minha saga para encontrar uma linha de tratamento com Argan que não deixe meu cabelo embaçado e pesado. Pois aí está. Custam em média 5 reais e funcionam pra mim que é uma beleza. 


Fructis - Óleo Reparação

Tratamento com 3 óleos na composição: Argan, Pracaxi e Oliva
Efeito cauterização


Aqui, uma segunda opção, são um pouco mais caros, em média 20 reais cada um (shampoo e condicionador). Mas também maravilhosos. Trata-se dos produtos da linha Phytogem Oil Argan Repair (Kert):
Inclusive esse elixir (que está na caixinha), que é um desbunde!!!
Gostaram das dicas???


Bom fim de semana!

E semana que vem não estarei por aqui... Vai rolar uma viajem, um descanso, um passeio no litoral...

Bjos e até a volta!

15 agosto 2013

Reflexão

15.8.13 5 Comments



"A morte não é a maior tragédia do ser humano, é pior quando algo vital dentro da pessoa morre enquanto ela ainda está viva. Essa morte é certamente a coisa mais temível e trágica."

                                                                                                                                       (Daisaku Ikeda)


E não é assim, minha gente? Pode ser a morte de um amor, de uma idéia (do acento da palavra ideia), de uma amizade, da confiança ou até mesmo de um sonho...

A vida é feita de pequenos nascimentos e mortes cotidianos e muitas vezes nossa interferência sobre esses acontecimentos não passam de uma ilusão. Acredito que o que nos resta é saber que tomamos as melhores decisões que poderíamos tomar, nas situações que nos cabiam reger, o resto, inclusive as decisões dos outros, acontecem por conta própria e definitivamente não nos diz respeito.

Bjos, suas lindas!

13 agosto 2013

Da série... Produtos BBB que funcionam!

13.8.13 2 Comments
Olá! Postarei nos próximos dias dicas de produtos BBBs que surpreendem pelo preço e pela qualidade. Mais para frente, também posto minhas experiências com produtos BBs que foram uma "chinelada na cara" e não corresponderam as expectativas.

Na lista de BBBs bons está esse pó translúcido da Cover Girl, marca gringa popular.
Tenho usado muito, ele matifica sem pesar, não acumula nas linhas e é uma mão na roda pra tirar o brilho das áreas que vc não que elucidar (no meu caso meus dois metros de testa) depois da aplicação da base.

A embalagem está até ralada de tanto rolar na bolsa e é bem resistente.






Ele não é esfarelento, tem quase a textura de um pancake. Vc passa o pincel e nem precisa tirar o excesso, soprar, sacudir e etc...

Não lembro qto eu paguei, mas foi bem pouco... Coisa de 5 reais em uma feira beneficente, no stand de uma loja de importados aqui da cidade.

 Bjosss

12 agosto 2013

Batom 24 h Maybelline Cinnamom

12.8.13 4 Comments
Olá! 
Sabe aquela vontade de ficar com cara de saudável o dia todo? 

Nunca fui encanada de sair por aí com a cara lavada, embora goste e trabalhe muito com maquiagem, nunca senti "necessidade" de usá-la no dia a dia. Só uma cor na hora de uma baladeeenha, ou coisa assim...

Mas o tempo passa, minha gente, e ultimamente me sinto com a feição meio caída, ainda não tenho rugas, manchas e tal, mas a maquiagem tem me ajudado a tirar aquela cara de cansaço... De desânimo que vc acorda em determinados dias, mesmo estando feliz da vida e dando bom dia pro sol... 

Nunca fui com a cara de batons 24 h, meu batom sempre mudou de humor, junto comigo, durante o dia. Mas me deparei com esse aqui, achei o preço praticável, sim! Sou mão de vaca, sim, compro sabão em pó do mais tosco e não me ligo em marcas (hehehehe... eu sempre falo isso aqui e dou o exemplo do sabão, tenho que mudá-lo). Mas continuando, a cor é super natural e vai bem com esse visual saudável que venho buscando, sem parecer que vc montou uma super produção.

Vamos ao batom:




Ele é líquido, tem um aplicador legal e um balm atrás. Vc passa, espera secar e depois aplica o balm, que confere brilho aos lábios. Vc pode reaplicar o balm várias vezes durante o dia, ele é ceroso na medida certa sem ficar melequento.

Na minha boca, intacto, como se eu tivesse acabado de passar, ficou umas 9 h (achei até digno). Depois ele foi ficando mais opaco, ressecado e "descamando" gradativamente. 

Ele é exatamente da cor da minha boca. Tentei tirar uma foto, mas a cor não ficou nada fiel, por isso emprestei a boca da Julia Petit, vejam:


Lindão, né?

A chatice são as letrinhas do "nome da cor" na embalagem, são minúsculas, impossíveis de enxergar.

E... Voltando ao assunto do post passado, não tinha provador nas duas lojas que vendem a marcar, segundo uma vendedora a Maybelline não disponibiliza, e a outra diz que eles só mandam uma vez e depois não repõem mais. Procede isso produção???

Enfim, por hoje só.

Bjos

08 agosto 2013

Tá difícil comprar maquiagem em Araraquara... O caso do Boticário.

8.8.13 3 Comments
Venho contar o acontecido no Boticário... Não sei os demais, mas o Boticário daqui, a loja do centro tem uma luz tão esquisita (iluminação indireta escura), que é difícil saber a cor de qualquer coisa que vc queira testar em maquiagem. A saída é experimentar, sair na calçada conferir e voltar. Achar um pó, base ou afins no tom da sua pele só se vc tiver uma visão super sônica, ou já conhecer o produto... Sem falar a aniiiimação das atendentes, não sei se são sempre assim, tinham acabado de sair de um velório, ou só não foram com a minha cara.

Pois bem, fui até lá comprar sombra líquida - Make B. No site, elas estão com 20% de desconto, mas como nunca tinha vistos as cores ao vivo, fui até a loja física em questão, comprar sem desconto mesmo, para poder provar. Vejam, houve todo um planejamento, eu saí de casa para isso (comprar duas sombras) e meeesmo se eu estivesse andando pela rua e decidisse entrar só para testar, eu tinha esse direito, não é?

Não, não tinha, as duas sombras que eu queria, no provador estavam secas, esturricadas de não sair um tico no aplicador. Tinha muito produto dentro, mas estava petrificado. Comentei com a vendedora e ela disse: "É, tá seca..." E logo em seguida mirou o horizonte e montou uma cara de paisagem. Fiquei esperando uma solução, enfim, como já falei, tinha planos de levar as sombras. Nada... E ainda no final ela perguntou se eu não ia levar. Expliquei que elas estavam secas, reparei no prazo de validade e estava ok. Mas, definitivamente, elas não estavam REPRESENTADO bem a marca. Desisti e fui embora... Perderam a venda, encomendei dois trios da Maybelline pela internet.

Por aqui a regra é essa, não tem provador, quando tem, são bem zuados (em algumas lojas vc olha e jura que vai adquirir uma bactéria fatal de tão "crostento" que aquilo fica) e parece que estão fazendo um favor em deixar que vc teste algum produto. E não é só no Boticário não, o provador do Boticário é limpo e tem a maioria (não todos) dos produtos vendidos... Eles só precisam estar em condições de serem usados!! Secou? Substitua mais do que depressa, ou vcs querem que as pessoas pensem que o produto não presta? 

Amanhã termino a história... 

Bjim

07 agosto 2013

Cá estou.... E que feio Boticário.

7.8.13 2 Comments
Pois bem, vcs perceberam que no último post, datado de 27 de março, eu comentei que voltaria, fiz festa e não voltei... Acontece que foi nesse mês que muitas coisas começaram a mudar, num ritmo vertiginoso, na minha vida, foi o mês que eu, juntamente com minha equipe e parceiros inauguramos o nosso espaço cultural. De lá pra cá, foi uma correria descabelante para ajeitar tudo, produzir todos os projetos que tínhamos em mente e fazer a bagaça funcionar.

É certo que não tínhamos muito experiência, mas no fim, nos saímos muito bem... Finalmente, depois de 7 meses tudo está funcionando tranquilamente e desde a segunda quinzena de julho, pude voltar a ter uma vida, fora do trabalho. Voltei a caminhar, a malhar, estou colocando em dia meu "estoque" de daimoku, até construí, meio estilizado, é claro, já que gostos das coisas fora dos padrões, um oratório budista, na sala que fica minha academia de bolso: um canto para cuidar do corpo e mente. E... e.... Como não deveria deixar de ser, quero voltar pra cá! Saudades desse canto. E se tudo correr bem e conseguir domar minha agenda vai rolar mais Chuva de Camélias e quiçá! Uma viajem para a praia para descansar...

Notícias boas, né?

Tão boas, que vou deixar pra outro dia o bafho a respeito do Boticário que ia contar hj. Tudo começou quando eu decidi  que queria comprar uma simples sombra líquida: essa aqui ó:


Não vamos estragar o clima...

Bjos

Follow Us @soratemplates